Alertas
Fotos Lisboa 1 Fotos Lisboa 2 Fotos Lisboa 3 Fotos Lisboa 4 Fotos Lisboa 5 Fotos Lisboa 6
Procurar Imóvel
Férias Algarve

Apartamento Remodelado no centro T2 Campolide Lisboa

Chamada
Gratuita
Tel  
  • REFPT-123441389-129
  • Local-
  • Área90 m² | 105 m²
  • Estado-
  • Construção1931
  • Vista-
  • Dist.Centro-
  • Dist.Praia-
  • Eficiência Energética
Sob Consulta
  • Distrito: Lisboa
  • Concelho: Lisboa
  • Freguesia: Campolide
  • Tipologia: T2
Descrição

Apartamento T2 +1 COM LOGRADOURO para venda
T2 com sala Dupla e Logradouro com um pequeno Deck para os dias de calor.
Um dos quartos tem closed.
Tendo este apartamento 3 frentes, tem bastante luz natural. Todas as áreas do apartamento são generosas e com tectos altos trabalhados.
Embora tendo este apartamento sido remodelado há dois anos, conservaram a traça do mesmo, masntando assim a arquitetura da época.
Marque a sua visita e venha conhecer este excelente apartamento com espaço exterior, mesmo no centro de Lisboa, Campolide.
CURIOSIDADES:
As tradições republicanas de Campolide e as convicções democráticas dos seus moradores tiveram expressão na forma entusiástica como se viveram e sentiram aqui os primeiros tempos da Revolução de Abril. Refira-se que uma das unidades militares que saíram na madrugada libertadora foi justamente Caçadores 5.
Campolide foi a primeira freguesia da cidade de Lisboa a promover comemorações de rua no 1º aniversário do 25 de Abril. A existência de uma forte dinâmica popular e associativa levou à constituição, em 1975, da União dos Clubes de Campolide, em que participavam 32 coletividades ou associações. As cooperativa Bela Flor e do Bairro da Liberdade fizeram tentativas para diminuir as carências de alojamento, e tiveram um êxito relativo que deve ser salientado, mas ainda assim insuficiente para solucionar o problema habitacional, já que se verificou um forte afluxo de imigrantes. Entretanto, no conjunto da freguesia, a população residente diminuiu para quase metade no últimos trinta anos do século XX, passando dos 30.110 habitantes registados em 1970 para 26.655 em 1981,21.669 em 1991 e 15.927 em 2001. O censo de 2011 inscreve o que parece indiciar uma tendência de estabilização da população, com 15.460 residentes. Nos últimos anos, deve destacar-se no plano social a obra do Centro Paroquial de S. Vicente de Paula, no Bairro da Liberdade, a execução do Plano Especial de Realojamento, com a demolição das barracas da Quinta do José Pinto. Assistiu-se também à construção (1994-1998) de um conjunto urbano de luxo, a que se chamou Nova Campolide, justamente no local onde existiam alguns dos mais antigos vestígios de Campolide: os Fornos de Cal do Sabido e o Cazal de Campolide. Em 1997 entrou em funcionamento o Eixo Viário Norte-Sul e, em 1998, a Avenida Miguel Torga. Em 2000, foi inaugurada a nova estação ferroviária. Entretanto, na calçada da Quintinha, surge um novo conjunto habitacional. Entre a Av. José Malhoa e o Eixo Norte-Sul, construíram-se seis imóveis, as chamadas «Twin Towers», frente a Monsanto. Tudo isto são mudanças que irão afetar a identidade local, mas que o saudável bairrismo das gentes de Campolide saberá certamente integrar, sem perder o carácter. No território que hoje constitui a freguesia de Campolide, são conhecidos vestígios de ocupação humana desde os alvores da Pré-História. Várias estações arqueológicas estão referenciadas na área de Campolide, desde o Paleolítico Inferior (Alto da Serafina, Calçada dos Mestres, Casal do Sola, Terras do Pita, Santana, Rabicha) ao Neolítico e Calcolítico (Sete Moinhos, Vila Pouca). A maioria dessas estações está hoje destruída, e o seu espólio está disperso pelos museus Nacional de Arqueologia, dos Serviços Geológicos, e da Cidade. Durante a construção do túnel do Rossio (do lado de Campolide chamado da Rabicha) encontraram-se duas galerias para exploração de sílex, matéria-prima essencial para o fabrico de armas e utensílios, antes da generalização do uso dos metais. Dos períodos Romano e Visigótico não são conhecidos vestígios em Campolide e a presença muçulmana só pode ser atestada pelo topónimo. O arabista David Lopes demonstrou que Campolide significa "campo de Olide", sendo Olide nome árabe de homem, referenciado na documentação medieval desde o séc. IX e que está presente noutros topónimos, como por ex. Povolide (póvoa de Olide) e Valhadolide (cidade de Olide). A julgar pelas mais antigas referências conhecidas (sécs. XII e XIII), a evolução da palavra terá ocorrido da seguinte forma: Campoliti> Campolidi> Campolide. Outras explicações foram apresentadas por Duarte Nunes de Leão (séc. XVI), que considerava ser o "campo em que os da lide estavam alojados" durante o cerco de Lisboa pelos castelhanos, em 1384 (porém há quem diga que este campo de lides se referia a garraiadas, enquanto outros se referem a amanho de terra e outros ainda a escaramuças com invasores); e por Júlio de Castilho, para quem teria origem num campo dos "lites" (nome dado aos escravos libertos pelos Godos) e que estes teriam sido os colonizadores desta área. No entanto, Norberto de Araújo, autor de "Peregrinações em Lisboa" põe de parte estas explicações, porque já em 1147, o cruzado Osberno se referia à zona de Santos por "Campolet" ou "Campolit", e em 1211 se referia que o Rei D. Afonso II possuía "duas víneas in Campolide".
  • thumb-2123441389129_6880b984-79f9-42ba-8415-3fbf2e039f94.jpg
  • thumb-2123441389129_db12a5d5-92d3-4b9a-b3dc-54ae551a6360.jpg
  • thumb-2123441389129_b0b128c9-f322-4783-bd37-b1cdb58a0db8.jpg
  • thumb-2123441389129_99f1c03c-a9e4-425a-9b89-c4214403c390.jpg
  • thumb-2123441389129_7c337838-e6b3-4fbe-95e6-4d6a2b132e8b.jpg
  • thumb-2123441389129_e6d46936-1ce6-4325-8b62-0a6bd1ae4dee.jpg
  • thumb-2123441389129_0c30bb1a-e224-4670-b7f0-f2ea272240f8.jpg
  • thumb-2123441389129_c09b2dcc-c3e5-494a-8df8-8048d46d699c.jpg
  • thumb-2123441389129_6d81f206-9769-4ccd-a2e1-d3236991c528.jpg
  • thumb-2123441389129_b10a9653-1923-4ec6-b52d-f5be78346d35.jpg
  • thumb-2123441389129_9686a6c2-fefc-496c-af07-253ded4be33d.jpg
  • thumb-2123441389129_38f22761-d2c9-4605-ab10-f10520ab45ea.jpg
  • thumb-2123441389129_bf980125-8e81-4358-9593-a6e0a7393bf6.jpg
  • thumb-2123441389129_cbf61a95-1f65-47b5-91d7-d24feea2fd94.jpg
  • thumb-2123441389129_45e9158e-63b2-4c42-8104-7b909aa44f2d.jpg
  • thumb-2123441389129_6102cf63-89af-40c4-b02d-67b37a146925.jpg
  • thumb-2123441389129_bfd8e2ae-5702-4ed7-8f92-24345eeb3342.jpg
  • thumb-2123441389129_aedc945b-93ca-4639-a1da-e1c7021f52ab.jpg
  • thumb-2123441389129_4b174fbf-dc57-458b-80c9-934cb11e822f.jpg
  • thumb-2123441389129_2a2e62c8-a88e-45ef-b88c-249623b0857b.jpg
  • thumb-2123441389129_042d6319-7f7b-44f9-8d92-95d75da81ac7.jpg
  • Telefone
  • Website
    https://www.remax.pt/
Pedido de Informação / Visita
Nome:
E-mail (-):
Telefone (-):
(-) Introduza pelo menos um contacto (e-mail / telemóvel)
Alertas
Desejo ser avisado quando:
E-mail (*):
(*) Campo(s) obrigatório(s).
Condições Gerais | Cookies | Política de Privacidade | Resolução Alternativa de Litígios
Copyright 2005-2024 © GTSoftLab Inc. All rights reserved. (0.041)
Powered by
GTSoftLab